Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Escrever

Escrever

28
Set17

Quem pastoreia os Pastores

J. e H. Pinheiro

 

Pastor pregando.jpg

 

 

 

 

Um primo nosso, cidadão brasileiro, médico oncologista,  crente evangélico, ele e a Esposa ( também médica ),  pôs esse pensamento no Facebook.

 

 

 

 

 

É uma preocupação de muitos de nós,  mas que deixamos aos pés de Cristo,  em oração.

 

 

"Quem pastoreia os Pastores ?

Quem os ouve,   aconselha,   exorta,   conforta ?"

 

 

 

 

 

« ... em tudo recomendando-nos,

como ministro de Deus,

na muita paciência,  nas aflições, 

nas provações, nas angústias,

nos açoites, nas prisões,

nos tumultos,  nos trabalhos,

nas vigílias, nos jejuns,

na pureza,  no saber, 

na longanimidade,na bondade,

no Espírito Santo,

no Amor não fingido,

na Palavra da Verdade,

no Poder de Deus,

pelas armas da Justiça

quer ofensivas,  quer deffensivas,

por honra e por desonra,

por infâmia e por boa fama,

como enganadores e sendo verdadeiros,

como desconhecidos, e

sendo bem conhecidos,

como se estivéssemos morrendo

e contudo eis que vivemos,

como castigados,  porém não mortos,

entristecidos,  mas sempre alegres,

pobres mas enriquecendo a muitos,

como nada tendo

mas possuido tudo !»

 

2ª Carta de Paulo aos Coríntios 6 : 4 a 10

 

 

 

 

 

    E este é o nosso papel,  como crentes, particularmente como Anciãos :

 

 

«Por isso também

não cessamos de orar por vós,

para que o nosso Deus

vos torne dignos da sua Chamada

e cumpra com Poder todo o propósito

de Bondade e obra da Fé,

a fim de que o Nome de

nosso Senhor Jesus

seja glorificado em vós,

e vós nele,

segundo a Graça do nosso Deus

e do Senhor Jesus Cristo.»

 

1ª Carta de Paulo aos Tessalonicenses, 1 : 11 e 12.

 

 

 

 

28
Set17

O Mundo de Hoje

J. e H. Pinheiro

 

 

 

 

Mundo, O.jpg

 

     

    A despeito do Racismo e das convulsões internas e violentas nas nações, das violências e perversões em múltiplos domínios, da inversão de Valores,  das migrações dramáticas de povos,  dos fenómenos extremos na Natureza ( sismos, tufões, tsunamis )  da fome, da pobreza, das agressões ambientais,  da perseguição ao Cristianismo,  do islamismo extremista e sinistramente radical,  apesar disso tudo e mais que nem sei nomear, este mundo contudo está objetivamente melhor do que nunca :

    -  na espetativa de vida, nas liberdades e direitos humanos, na defesa do ambiente, na literacia, etc, etc.

 

    Pessoas mais velhas, como nós, dão-se conta com espanto e interrogações, deste contraste alucinante !

    Estes dois polos extremos  -  um mundo péssimo,  e uma vida de progressos  -  só podem ser pensados e compreendidos na espetativa dos Desígnios do nosso Deus.

    Por um lado,  um Destino superior,  real e concreto, que nos espera, na Terra,  num Futuro já bem próximo, a nós que lhe pertencemos,  a nós os seus filhos.  E para o qual caminhamos e evoluímos.

    Por outro lado,  tempos de grande Tribulação que nos são preditos pela Bíblia,  sob o impulso do Anti-Cristo,  e que precederão a Glória do Novo Reino de Cristo, de Novos Céus e Nova Terra !

 

    Gratidão, discernimento atento,  consistência espiritual,  são -  têm de ser  -  as marcas da vivência dos Crentes,  filhos de Deus, no mundo atual.

 

 

 

 

 «Assim, não durmamos como os demais;

pelo contrário, vigiemos e sejamos sóbrios.

( ... ) Porque Deus não nos destinou

para condenação,

mas para alcançar a Salvação,

mediante nosso Senhor Jesus Cristo»

 

1ª Carta de Paulo aos Tessalonicenses 5 : 6 a 9.

 

 

27
Set17

A Chamada de Abrahão

J. e H. Pinheiro

Igreja Evangélica ACÇÃO BÍBLIA, Faro -   Mensagem de domingo

 

A Chamada de Abrahão   - Génesis 12 : 1 – 9. Heb. 11 8 – 10

 

   Abrahão vivia onde tinha sido, muito provavelmente, segundo os estudiosos, o Paraíso, o Eden. É aceitável podermos deduzir daí, algum simbolismo. Mas a Bíblia não faz qualquer referência a isso. Deus chamou Abrahão para sair de uma região onde o Ser humano falhou para com Deus, e para inaugurar uma geração vivendo da Fé.                                                      

 ( Escrevo Abrahão com “h”, conforme o original bíblico, porque foi assim que Deus o renomeou, Gén. 17 : 1 a 8, acrescentando-lhe uma letra e um som que é como um sopro, um sopro divino, mas que lhe muda o significado do nome; “Abrão” = pai honrado; “Abrahão” = pai de multidões )

 

   A Chamada de Abrahão deu-se em Ur, 15 : 7.   Ora, se Tera, seu pai, deixou Ur, na Caldeia, e partiu com Abrahão e mais alguns familiares para Harã, Gen 11 : 31, Veja-se Josué 24 : 2, pode ter sido por ter querido acompanhar a Chamada de Abrahão.      Contudo, quanto a Abrahão, este estava respondendo e obedecendo pela Fé.   Gén 15 : 6.     Deus tem os seus Planos intemporais : Deus estava dando génese espiritual a um Povo, a uma Nação, Israel. E a um Povo espiritual, a sua Igreja, que viveria pela Fé ! ( Ler ) Rom 4 : 16 - 18; 5 : 1

 

1   A Chamada de Abrahão teve um ponto de partida básico :             «Sai da tua terra, da tua parentela e da casa de teu pai» v.1.   Esta Chamada tem uma aplicação profunda e prática para cada um de nós, os filhos de Deus. 

 

1.1.   ”Sair”   respondendo a Chamada de Deus, fala-nos de separação para Deus, ( como Paulo : Rom 1 : 1 ) em vistas de ser santo.   «Sede santos porque Eu sou Santo» 1ª Pe 1 : 16   ( Lev 11 : 44 ).     E :   « … Sede santos porque Eu sou o Senhor, vosso Deus. Guardai os meus Estatutos e cumpri-os …»   Lev. 20 : 7 e 8.           “Sair” para ser “santo” marca a relação lógica, legal, a única adequada com Deus.   ( Ler )  Cp Ef. 1 : 4 a 7.     «Segui a Paz com todos, e a santificação sem a qual ninguém verá o Senhor»  Heb 12 : 14.

 

1.2.   “Sair”, na relação com Deus é também tornar-se independente do passado, « … Sai da TUA terra …» ou seja, dos contextos que te formataram a mente, o caráter, a educação, e das conjunturas que   configuraram a tua personalidade.   Abrahão não mais voltou a Ur …                    « … para dizeres aos presos, e aos que estão em trevas, Saí ! … »   Is 49 : 9.    “Sair” é por isso libertar-se da prisão, autonomizar-se para com a natureza marcada pelo pecado, pela perversão, que é a atualidade.         

      

1.3.     “Sair”  é viver outra Vida, com outro Futuro, do lado da Eternidade com Deus ! É estar do lado dos intentos divinos.   Abrahão haveria de se deslocar para longe, bem para ocidente ! ( Que ele desconhecia … ). Para o lado de lá do deserto !       -    O arrependimento é isso; é passar para o outro lado,   o de Deus; é nascer de novo e cumprir as obras de Deus  Ef. 2 : 10.            «E assim se alguém está em Cristo, é nova criatura. As coisas antigas já passaram.   Eis que tudo se fez novo.»   2 ª Corint. 5 : 17.       Foi o que Jesus recomendou a Nicodemos.   Cp João 3.            É ter novos horizontes, novos caminhos,   novos comportamentos,   novas relações,   novos Objetivos.     ( Ler )   2ª Tim 2 : 22 – 26.

 

1.4.   “Sair” é mais :  « Vai para aterra que te mostrarei.» v.1,      É tornar-se estrangeiro, forasteiro por termos outra “Nacionalidade”, outra Pátria !   Fil 3 : 20

 

2   Os termos em que se formulou a Chamada verbal de Abrahão, implicam aspetos diversos da intervenção de Deus na vida de Abrahão que são também formas divinas excelente aplicáveis a nós, filhos de Deus, em Cristo. 

 

2.1.   «E te abençoarei»   v.2. é uma Garantia absoluta em como Deus queria   dirigir, direcionar, enriquecer, engrandecer espiritualmente a vida de Abrahão. “Te abençoarei” era uma Certidão que implicava uma Determinação e uma Vontade divinas.       «Ora o Deus de toda a Graça, que em Cristo vos chamou à sua eterna glória … ele mesmo vos há-de aperfeiçoar, firmar, fortificar, fundamentar.»    1ª Pe 5 : 10.

 

2.2.   «Sê tu uma bênção !» v. 2 b).    Agora é outra Garantia, sob outra forma : um Mandato.  Um Projeto explícito, claro, para Abrahão e todo um Plano, também para nós.   « … que transbordeis de pleno conhecimento da sua Vontade, em toda a Sabedoria e Entendimento espiritual, a fim de viverdes de modo digno do Senhor, para seu inteiro agrado, frutificado em toda a boa Obra e crescendo no pleno Conhecimento de Deus.»      Col 1 : 9 - 10.

 

2.3.   «Abençoarei os que te abençoarem, amaldiçoarei os que te amaldiçoarem» v. 3.      Abrahão passou a distinguir, pela Fé, a natureza das coisas : Uma Dicotomia universal.  Dois Campos definidos juridicamente, divinamente : uns e outros irreversivelmente opostos : com Deus / sem Deus !                   ( Ler ) 2ª Cor 10 : 4.

 

2.4.   «Em ti serão benditas todas as nações da Terra». V. 3 b).   Deus privilegia Abrahão com uma Programação inédita : a universalidade da Bênção. Era uma previsão da Graça universal. Deus mostra a Abrahão que pretendia estender em todas as direções, 13 : 14, a sua Revelação, a sua Justiça, o seu Amor, a sua Graça,   e chamar a si todas as nações da Terra !!   Fui uma nova visão que Abrahão assumiu pela Fé.  «Fui buscado pelos que não perguntavam por mim, fui achado por aqueles que não me buscavam, a um povo que não se chamava pelo meu Nome eu disse :    Eis-me aqui !  Eis-me aqui !»   Isaías 65 : 1.                                                   Previsto no Apocalipse : «As Nações andarão mediante a sua Luz. E os reis da Terra lhe trazem a sua glória !» Ap 21 : 24.   Já o Senhor Jesus o ordenou   : « … Fazei discípulos de todas as nações … » Mt 28 : 19.                                                  E :     « Ide por todo o mundo e pregai o Evangelho a toda a criatura» Marcos 16 : 15.   Cp Col 1 : 23, 27 e 28 - « … toda a criatura»; todo o homem …».

 

2.5.     «De ti farei uma grande Nação» v. 2.      Que Bênção para Abrahão ! Deus está aí criando antecipadamente a Nação de Israel.         Mas também a Igreja,   num futuro, terrestre, mais longe, em relação a Abrahão, claro.   Fomos assim chamados para sermos uma assinalável  Entidade,  expressa nas Escrituras desta maneira : «Mas vós sois Raça eleita,   Sacerdócio real, Nação santa,   Povo propriedade exclusiva de Deus»   1ª Pe 2 : 9.       

 

 

 

 

 

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub