Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Escrever

Escrever

14
Mai17

Fátima, de novo ...

J. e H. Pinheiro

 

Fátima.jpg

  

 

    Há pessoas que pensam,  ou tentam,  encontrar nesta onda de religiosidade crédula,  beatífica, meio cega e ignorante,  massificada, algo de positivo  :  uma procura,  um impulso para cima,  um off-matéria,  um querer "outra coisa",  um gosto pelo esforço  que lhes dê em troca algum bem-estar interior sempre ausente,  ou um supersticioso viver-melhor ...

    É um anseio legítimo.  Ajuda, mas de forma frustrante.  É um pôr-se em "bicos dos pés" sem poder chegar sequer ao teto ...

 

    Quanta miséria íntima !

 

    Mas também, quanta hipocrisia por parte de outra gente responsável !

    Esta última,  intrínsecamente criticável porque alimenta e sustém uma religiosidade idólatra com um futuro ruinoso,  porque feita de engano.

 

    Confrangedor !

 

    Quando na Palavra de Deus  -  unicamente  -   na Revelação divina das Escrituras,  e em Cristo,  no Evangelho de Cristo,   aqueles peregrinos do nada, do vazio,  teriam Paz e a Salvação das suas almas !

    A Bíblia teve,  pelo que nos demos conta, uma presença ténue, apenas formal, nesta concentração religiosa :

 

 

«Eu sou

o Caminho, a Verdade e a Vida.

Ninguém

vem ao Pai

senão por Mim

 

Evangelho segundo São João 14 : 6

 

 

 

 

 

«Porque pela Graça são salvos.

por meio da Fé.

Isto não vem vós;

é um dom de Deus.

Não vem de obras ( ou esforços ),

para que ninguém se gabe

de por elas ganhar a Salvação.»

 

Efésios 2 : 8.

 

 

 

 

 

 

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub