Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Escrever

Escrever

03
Jun17

O Estado e a Religião

J. e H. Pinheiro

 

Parlamento.jpg

 

    Temos visto ultimamente em Portugal, uma "proximidade" religiosa, da parte do Estado frente à Igreja Católica Romana, talvez mais intensa do que nos tempos de Salazar. Nos três planos máximos do Poder Político : O Presidente da República, o Governo, a Assembleia da República. 

     Achei digna de tomar nota a opinão que Vital Moreira deu no seu próprio Blog, há uns dias.

 

    "Pior do que a instrumentalização religiosa da Política é a instrumentalização política da Religião.

   A ideia de que no Estado, apesar de ser laico, o Poder político pode participar em Cerimónias religiosas* é puro fariseismo político.

   Por este andar vamos voltar a ver o Estado a encomendar Missas de ação de graças e a mandar benzer Obras públicas ... " - ironiza ele, no seu Blog «Causa Nosssa».

  

 

*  E o caso inverso, acrescento eu  : Entidades religiosas participarem em eventos e cerimónias políticas.

 

 

 

 

Incrível !  -  :

 

( Nem no tempo do Estado Novo ... ! )O Papa e Marcelo.jpg

 

 

 

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub